Tags

Blog da Menina AlvaJá falamos aqui mais de uma vez que o sexo faz bem para a saúde, mas nunca o relacionamos com a capacidade cerebral. O que uma pesquisa recente nos mostra é que ele pode estar diretamente ligado à inteligência.

Cientistas da Universidade de Paiva, na Itália, separaram suas cobaias humanas em grupos: novos apaixonados e relacionamentos a longo prazo. Depois disso pegaram uma amostra de sangue de cada pessoa e a analisaram.

Os resultados foram os seguintes: quem se apaixonou há pouco tempo teve um aumento significativo de células cerebrais no hipocampo e quem tinha um relacionamento antigo teve um nível menor desse aumento. O hipocampo é a área responsável pelo aprendizado e memória.

Já em Princenton, no Estados Unidos, pesquisadores tiveram resultados parecidos e ainda incluíram que fatores como estresse e depressão ajudam no encolhimento do hipocampo, o que pode ser tratado com sexo.

Para os cientistas, se apaixonar faz bem para a saúde e o sexo frequente, além de todos os benefícios que já conhecemos, deixa nosso cérebro turbinado.

Anúncios